100 vezes David Hockney

Tate Britain apresenta extensa retrospectiva do artista inglês

Luana Fortes
Christopher Isherwood e Don Bachardy (1968), de David Hockney (Foto: Divulgação)

Com mais de 100 obras exibidas de maneira cronológica, o Tate Britain apresenta a mais extensa retrospectiva de David Hockney já feita até hoje. A exposição foi realizada em parceria com o Centre Pompidou e o Metropolitan Museum of Art, por onde passará mais tarde, e tem curadoria assinada por Chris Stephens e Andrew Wilson. Ao montá-la, Hockney teve a oportunidade de, no ano em que completará oitenta anos, revisitar trabalhos realizados nas últimas seis décadas, incluindo alguns de 1961, quando ainda era estudante – notório, diga-se de passagem – da Royal Academy em Londres.

O artista afirma esperar que o público “goste de ver como as raízes de seus novos e mais recentes trabalhos podem ser vistas ao longo dos anos”, tendo em vista que interessantes conversas são estabelecidas pelas 13 salas expositivas. Em uma delas, por exemplo, estão exibidas suas pinturas do Grand Canyon junto a paisagens de Yorkshire, todas feitas na mesma época, quando Hockney costumava viajar entre suas casas nos distantes países, Estados Unidos e Inglaterra.

9 Canvas Study of the Grand Canyon (1998), de David Hockney (Foto: Richard Schmidt)

9 Canvas Study of the Grand Canyon (1998), de David Hockney (Foto: Richard Schmidt)

 

Ao visitar a exposição, pode-se ter contato com alguns trabalhos, quase nunca vistos, que exploram o relacionamento amoroso entre homens – assunto recorrente em toda a sua trajetória – a partir de pinturas realizadas quando a homossexualidade era ilegal no Reino Unido. Além disso, estão expostos alguns de seus celebrados retratos duplos, como A Single Man (1968), exibido pela primeira vez em 20 anos e, também, os trabalhos Garden #3 (2016) e Two Pots on the Terrace (2016), pintados especialmente para a exposição.

No entanto, para aqueles que não pretendem visitar nenhuma das cidades que abrigarão a mostra, seu catálogo parece ser bastante completo. E, felizmente, ele pode ser adquirido pela loja online do Tate por meio do site shop.tate.org.uk.

Portrait of an Artist (Pool with Two Figures) (1972), de David Hockney (Foto: Art Gallery of New South Wales/ Jenni Carter)

Portrait of an Artist (Pool with Two Figures) (1972), de David Hockney (Foto: Art Gallery of New South Wales/ Jenni Carter)

 

Serviço
David Hockney
Tate Britain
Millbank – Westminster – Londres
De 6/2 até 29/5
www.tate.org.uk

Nota de esclarecimento A Três Comércio de Publicações Ltda. (EDITORA TRÊS) vem informar aos seus consumidores que não realiza cobranças por telefone e que também não oferece cancelamento do contrato de assinatura de revistas mediante o pagamento de qualquer valor. Tampouco autoriza terceiros a fazê-lo. A Editora Três é vítima e não se responsabiliza por tais mensagens e cobranças, informando aos seus clientes que todas as medidas cabíveis foram tomadas, inclusive criminais, para apuração das responsabilidades.