Love will tear us apart… again!

Mariel Zasso

Publicado em: 07/12/2012

Categoria: media reader, o release do dia

Mais uma edição da Festa do Divórcio em São Paulo: é o tema do nosso release do dia

Divorce-cakes

“Nem todo término do casamento deve ser triste e doloroso. Dar um chega prá lá na infelicidade e celebrar a nova fase da vida em grande estilo virou moda em São Paulo. No dia 15 de dezembro o representante comercial Erisson Max, irá festejar a separação com uma grandiosa Festa do Divórcio, cujo tema será “Baile de Máscaras”.

Sucesso no exterior, esse formato semelhante às festas de casamento, está ganhando cada vez mais força em nosso país. Ritual de separação, bolo dividido ao meio, bem separado ao invés dos tradicionais bem casados, lembrancinhas, decoração diferenciada e atrações divertidas contemplarão a celebração que será realizada no luxuoso Espaço Horaciu´s, localizado no bairro do Itaim.

“Não acho que devemos nem mesmo chorar a morte, por ser um fenômeno natural, quanto mais uma separação. A vida segue em mudanças, não umas melhores e outras piores, mas sim diferentes. Quem perde tudo conquista todas as possibilidades! Esse é o meu prisma. Aproveitar a oportunidade para apertar os laços frouxos e estreitar os novos”, diz Erisson.

A festa será produzida pela empresária Meg Sousa, que realizou em 2009 a primeira “mega” Festa do Divórcio no Brasil e a assessora de casamento Tatiana Bandeira. Ambas uniram-se há dois anos para executar eventos exclusivos nessa configuração desde pequenas reuniões de celebração até eventos de grande porte, criados conforme o desejo, perfil e história de cada cliente.

Para saber mais sobre a Festa do Divórcio, acesse: facebook/festadodivorcio”

Nota de esclarecimento A Três Comércio de Publicações Ltda. (EDITORA TRÊS) vem informar aos seus consumidores que não realiza cobranças por telefone e que também não oferece cancelamento do contrato de assinatura de revistas mediante o pagamento de qualquer valor. Tampouco autoriza terceiros a fazê-lo. A Editora Três é vítima e não se responsabiliza por tais mensagens e cobranças, informando aos seus clientes que todas as medidas cabíveis foram tomadas, inclusive criminais, para apuração das responsabilidades.