seLecTs

Dicas da semana (24/8) selecionadas pela redação

Ana Beatriz Scudeler
Pedras, Gesso e Copo Americano (2017), de Laura Gorski (Fotos: Divulgação)

SÃO PAULO
ARTE E NATUREZA
Arquipélago de Instantes, Laura Gorski, até 30/9, Blau Projects, Rua Fradique Coutinho, 1464 | blauprojects.com
Laura Gorski, conhecida por utilizar a natureza como fonte de seus trabalhos, apresenta obras influenciadas por elementos naturais. Entre os procedimentos, Gorski explora a ação do tempo por meio da ação da água. Assim, os trabalhos passam a ter suas cores originais alteradas. O preto, até agora predominante em suas obras, dá espaço ao dourado.

No Mesmo Lugar (2016-2017), de Ana Maria Tavares, na Pinacoteca de São Paulo (Foto: Ruy Teixeira)

SÃO PAULO
ARQUITETURA
Arte-Papo com Ana Maria Tavares, 26/8, Fundação Ema Klabin, Rua Portugal, 43 | emaklabin.org.br
A artista Ana Maria Tavares participa do Programa Arte-Papo da Casa-Museu Ema Klabin, que promove encontros de arte e cultura com artistas contemporâneos. Tavares fala sobre seus projetos que envolvem um diálogo entre arquitetura modernista e arquitetura autoral e também enfoca seu trabalho sob a ótica do artista curador, propositor e produtor. A conversa acontece das 14h às 15h e tem entrada gratuita.

Sem Título (2015), de André Severo

SÃO PAULO
PASSADO E IMAGINAÇÃO
Espelho (El Mensajero), André Severo, até 23/9, Galeria Bolsa de Arte, Rua Mourato Coelho, 790 | bolsadearte.com
A exposição Espelho (El Mensajero) reúne textos, fotografias e vídeos de André Severo, realizados com justaposições imagéticas e sonoras de materiais extraídos de arquivos com mais de um século de existência. O resultado assemelha-se a um acervo de suas próprias obras.

Vice-versa (B) (2017), de Waltercio Caldas

RIO DE JANEIRO
DESENHOS, SOMBRAS E IMAGENS
Estados de Imagem, Waltercio Caldas, até 21/10, Mul.ti.plo Espaço Arte, Rua Dias Ferreira 417 | multiploespacoarte.com.br
A exposição Estados de Imagem, de Waltercio Caldas, conta com desenhos, objetos e um múltiplo feito especialmente para a ocasião. Os trabalhos mostram ao público a importância do desenho na poética de Waltercio e exploram os conceitos de espaço, luz e sombra. Na abertura da exposição, em 24/8 às 19h, acontece o lançamento de um catálogo com 77 múltiplos do artista e ao longo do período expositivo será lançado o livro Os Desenhos, com texto crítico de Lorenzo Mammi.

Espelhamentos (2017), de José Patricio

PORTO ALEGRE
LÓGICA E CRIATIVIDADE
Explosão Fixa, José Patrício, até 18/11, Galeria do Instituto Ling, Rua João Caetano, 440 | institutoling.org.br
A exposição de José Patrício, com curadoria de Eder Chiodetto, traz 19 obras que representam os 40 anos de carreira do artista. Entre elas estão telas, instalações e uma série inédita de fotografias. Patrício utiliza combinações numéricas lógicas com fundamentos em matemática e diversos tipos de materiais como botões, fios elétricos, dados e peças plásticas.

Nu Feminino (Mulata e São Sebastião), de Pedro Correia de Araújo (Foto: Jorge Bastos)

SÃO PAULO
EROTISMO E SEXUALIDADE
Erótica, Pedro Correia de Araujo, de 25/8 até 18/11, MASP, Avenida Paulista, 1578 | masp.art.br
A exposição de Pedro Correia de Araújo reúne obras que tratam a sexualidade da cultura brasileira e ressaltam a presença do erotismo através de retratos femininos de caboclas, índias e negras. Com curadoria de Fernando Oliva, os trabalhos seguem linhas matemáticas e geométricas.

As Noivas (2017), de Renato Larini

SÃO PAULO
ARTE DO LIXO
Tradição, Família e Apropriação, Renato Larini, de 25/8 até 5/12, Espaço Zebra, Rua Major Diogo, 237 | espacozebra.com
Com seu acervo formado por mais de 50 obras em fotografia e colagem, utilizando álbuns de família das décadas de 1920 e 1960, coletados de caçambas, antiquários e até mesmo do lixo da região do Bexiga, a exposição de Renato Larini oferece ao público uma incrível viagem ao passado, despertando nos visitantes um novo olhar para as peças resgatadas e reconstruídas. Cada obra conta uma história, como um microuniverso, e o arquivo morto ganha vida nova nas mãos do artista.

Nota de esclarecimento A Três Comércio de Publicações Ltda. (EDITORA TRÊS) vem informar aos seus consumidores que não realiza cobranças por telefone e que também não oferece cancelamento do contrato de assinatura de revistas mediante o pagamento de qualquer valor. Tampouco autoriza terceiros a fazê-lo. A Editora Três é vítima e não se responsabiliza por tais mensagens e cobranças, informando aos seus clientes que todas as medidas cabíveis foram tomadas, inclusive criminais, para apuração das responsabilidades.