Adeus

Morre fundadora da Galeria Celma Albuquerque

Publicado em: 18/12/2015

Categoria: Da Hora, Notícias Quentes

Tags: ,

Fachada da galeria mineira

Um dos nomes mais lembrados das artes visuais em Belo Horizonte, a galerista Celma Albuquerque, fundadora da galeria mineira que leva seu nome, morreu nesta última quinta-feira (17). Sem grandes detalhes, os filhos de Celma, Flávia e Lúcio, enviaram um comunicado à imprensa na tarde desta sexta-feira (19). Confira o texto na íntegra abaixo.

Caros amigos,

É com grande tristeza que informamos o falecimento de Celma Albuquerque na madrugada de quinta-feira, 17/12. A família agradece o apoio e carinho recebidos durante o árduo caminho que Celma corajosamente percorreu nos últimos anos. A equipe da Celma Albuquerque se orgulha da história de sua fundadora, que sempre conduziu com integridade e alegria seu trabalho e sua vida.

Seu exemplo permanece conosco.

Flávia e Lúcio Albuquerque

Artigo anterior:
Próximo artigo:

Nota de esclarecimento A Três Comércio de Publicações Ltda. (EDITORA TRÊS) vem informar aos seus consumidores que não realiza cobranças por telefone e que também não oferece cancelamento do contrato de assinatura de revistas mediante o pagamento de qualquer valor. Tampouco autoriza terceiros a fazê-lo. A Editora Três é vítima e não se responsabiliza por tais mensagens e cobranças, informando aos seus clientes que todas as medidas cabíveis foram tomadas, inclusive criminais, para apuração das responsabilidades.