Agenda para Adiar o Fim do Mundo (19 a 26/1)

Primeira edição do CLAC e exposições de Renata Egreja, David Almeida e Estela Sokol estão entre os destaques da semana

Da Redação

Publicado em: 19/01/2022

Categoria: Agenda, Destaque

Still de Made in la Charca (2019), de Enero Y Abril | Foto Divulgação

I Circuito Latino-Americano de Arte Contemporânea
“O CLAC busca promover o diálogo entre diferentes percepções artísticas, a partir de um suposto denominador comum: a relação do pensamento e arte forjados em contextos sociopolíticos”, afirma Diego Groisman, diretor do evento. (Des)territórios e (Des)identidades reúne 27 artistas da América Latina, como Bruno Novaes, Laryssa Machado, Coletivo Autônomo Temporário, Yara Pina, entre outros, dos quais 25 foram selecionados por meio de convocatória aberta e duas foram convidadas: Maíra Flores e Marina Camargo. O evento conta com uma programação paralela de aulas abertas, rodas de conversa e mostras de cinema e vídeo independentes. O edital também definiu, como forma de premiação, a aquisição de quatro das obras selecionadas, que passam a integrar o acervo permanente da Casa de Cultura Mario Quintana, em Porto Alegre. Em cartaz até 20/2, na CCMQ. 

Foto Divulgação

ABERTURAS
Arqueologia Amorosa de São Paulo
O Museu Afro Brasil inaugura, em 25/1, mostra em homenagem aos 468 anos da cidade de São Paulo. Com curadoria do diretor-geral do Museu, Emanoel Araújo, a exposição apresenta aspectos artísticos, sociais e culturais da metrópole paulistana, por meio de fotos, manuscritos, objetos, e mobiliário de artistas como Lina Bo Bardi, Paulo Mendes da Rocha, Flavio de Carvalho, Geraldo de Barros, Zanini Caldas, entre outros. Para Araújo, “a exposição visita a arqueologia da memória de São Paulo”. Entrada gratuita.

A Partida de Agnes (2020), de David Almeida | Foto Ana Pigosso

Arriba do Chão, de David Almeida
Pinturas de diferentes formatos e cerâmicas recém-produzidas compõem a individual do artista brasiliense, que inaugura o programa de exposições da Galeria Millan. A partir deste sábado, 22/1, a mostra, que denuncia as problemáticas do espaço e do corpo em território brasileiro, abre ao público com o lançamento de uma publicação contendo o texto curatorial completo, assinado por Pollyana Quintella, em diálogo com uma seleção de trabalhos apresentados.

Vista de Pepinos, Sad & Brazilian | Foto João Liberato

EM CARTAZ
Pepinos, Sad & Brazilian, de Estela Sokol
Pinturas elaboradas com feltros coloridos sobre chassis de madeira compõem a série carregada de humor e ironia da artista paulistana, em cartaz no Projeto 280 X 1020, na Casa de Cultura do Parque. O conjunto de obras, desenvolvido no auge da pandemia, é desdobramento da pesquisa de Sokol sobre pinturas realizadas com materiais alternativos, apropriando-se de feltros industriais para estabelecer alusão ao cenário econômico, político e social brasileiro. Até 13/3.

Não Há Outro Caminho (2021), de Renata De Bonis | Foto Julia Thompson

Vento Sul, de Renata De Bonis
”O título serve como metáfora de meu retorno ao Brasil, após um longo período morando fora. Tal metáfora ganha concretude na instalação feita por réplicas em bronze de galhos, sementes e cascas espalhadas pelo chão da galeria, que foram levadas pelo vento para os cantos do quintal da minha casa em São Paulo. É como se o bronze tornasse perene aquele momento passageiro.”, conta De Bonis. A Superfície apresenta cerca de dezoito pinturas da artista, que registra diferentes momentos de observação, diferentes ânimos e espíritos, tornando as paisagens mais conceituais e contemplativas. Texto crítico de Veronica Stigger. Até 5/2.

Foto Renata Egreja

ÚLTIMAS SEMANAS
Em Volta do Tempo, de Renata Egreja
Resultado do Prêmio de Artes Visuais do ProAC 2020, a mostra, em cartaz até 31/1, reflete o movimento de retorno à terra natal da artista, que passou sua infância em Ipaussu. Egreja expõe trabalhos inéditos, como cinco telas de grandes formatos e 10 aquarelas, além da instalação imersiva Mesa Posta (2021). Sua pesquisa pictórica é marcada por uma gestualidade espontânea combinada com um estudo aguçado da composição, onde fortes contrastes e transparências de cor sugerem um movimento lúdico”, explica Célia Barros, curadora da individual. Na Pinacoteca Fórum das Artes, em Botucatu. Entrada gratuita.

Vista da mostra Rebu | Foto Alice Loureiro

INSCREVA-SE
Chamada de Bolsas para Cursos Livres
Na próxima terça-feira, 25/1, a Escola de Artes Visuais Parque Lage abre edital público com chamada para 40 bolsas sociais destinadas aos cursos livres do 1º semestre de 2022. Ao longo deste ano, são distribuídas um total de 80 bolsas custeadas através das vendas da Coleção Impacto, lançada na 8ª edição da ArtRio, em setembro de 2021. O formulário de candidatura está disponível no site da instituição até 6/2, e a divulgação dos selecionados é feita em 25/2, com abertura de matrículas já no dia seguinte. A EAV também apresenta duas mostras  que compartilham com o público o caminho trilhado pelos alunos dos programas de formação. Carta às Intenções reúne trabalhos dos integrantes do Programa de Formação. Já Rebu, apresenta obras dos artistas que cursaram o Programa Formação e Deformação, e inclui intervenções no Palacete e na área verde do Parque. Em cartaz até 16/2.

Still de Plas Ayiti, de Felipe Prando

CINEMA
Plas Ayiti e Campo de Batalha
A plataforma online Kinoscope exibe, durante os meses de janeiro e fevereiro, as produções do professor e artista Felipe Prando. O filme discorre sobre o encontro de três artistas e um grupo de refugiados haitianos que se abrigaram em Curitiba. Já o ensaio foto-narrativo navega por histórias, pessoas e paisagens cujas distâncias correspondem a um período de mais de 200 anos. 

Still de Roberto Carlos e o Diamante Cor-de-rosa, de Roberto Farias | Foto Divulgação

Cinemateca em Ritmo de Aventura
Para dar início às atividades do ano, a Cinemateca do MAM-Rio promove a exibição de 12 filmes, nacionais e estrangeiros, de seu acervo. De 21 a 23/1, são exibidos longas e curta-metragens como Thomas Crown, a Arte do Crime, de John McTiernan;  Raoni, de Jean-Pierre Dutilleux e Luiz Carlos Saldanha; Maneco, o Super-Tio de Flávio Migliaccio, entre outros. Confira a programação completa pelo link. Entrada gratuita. 

Tags: , , , , , , ,

Nota de esclarecimento: A Três Comércio de Publicações Ltda., empresa responsável pela comercialização das revistas da Três Editorial, informa aos seus consumidores que não realiza cobranças e que também não oferece o cancelamento do contrato de assinatura mediante o pagamento de qualquer valor, tampouco autoriza terceiros a fazê-lo. A empresa não se responsabiliza por tais mensagens e cobranças.