Arquiteturas das permanências e destruições

Gustavo Fioratti

Publicado em: 09/01/2015

Categoria: Da Hora, intervenções e projetos

No Rio de Janeiro, artistas criam obras para lugares públicos, uma estamparia desativada e instalações de um antigo hotel hoje parcialmente ocupado por um colégio

Perm_body

Legenda: Praça XV, Centro, em cima do mergulhão (foto: Divulgação)

Áreas urbanas em desuso e espaços ociosos do Rio de Janeiro serão reconfigurados por dez artistas e um coletivo. Eles participam do projeto Permanências e Destruições, que tem início hoje, dia 9, e prossegue até o dia 1º de fevereiro. O projeto tem curadoria de João Paulo Quintella.

Na lista de espaços que receberão as interferências site-specific estão a praça XV e o antigo Hotel Balneário Sete de Setembro, cujas instalações, na praia do Flamengo, estão hoje parcialmente ocupadas pelo Colégio Brasileiro de Altos Estudos.

Na praça XV, por exemplo, Julio Parente e Pedro Varella vão construir o Cota 10, um mirante com vista para o centro histórico e para a Baía de Guanabara. A intenção do designer e do arquiteto é devolver aos visitantes a paisagem que podia ser observada da antiga Perimetral, via que foi demolida entre 2013 e o ano passado.

No antigo Hotel Balneário Sete de Setembro, Amalia Giacomini apresenta uma instalação feita a partir de fios e tramas que cruzam diversos cômodos e Floriano Romano utiliza cerca de quarenta caixas de som para reproduzir sons do próprio ambiente.

No final de semana dos dias 24 e 25, Daniel de Paula e Luísa Nóbrega criam instalações na Estamparia Metalúrgica Victoria. Fundada em Benfica, bairro central do Rio, no início da década de 1930 a fábrica foi desativada nos anos 1970.

Serviço:

09 a 11/01

Na Praça XV (Centro)
– Cota 10 (Julio Parente e Pedro Varella) – sexta a domingo, das 7h às 20h
– Ação com Tijolos (Priscilla Fiszman e Kammal João) – sexta e sábado, das 7h às 15h

17 a 30/01

Hotel Balneário Sete de Setembro/Colégio Brasileiro de Altos Estudos (Flamengo)
– Amalia Giacomini e Floriano Romano e Miúda – de terça a domingo, das 11h às 19h

20 a 24/01

Rua do Verde (Centro)
– Raquel Versieux – de terça a sexta, das 10h às 18h, e sábado, das 09h às 12h

24 e 25/01

Estamparia Metalúrgica Victoria (Benfica)
– Daniel de Paula e Luísa Nóbrega – sábado e domingo, das 11h às 19h

31/01 a 01/02

Piscina do Edifício Raposo Tavares (Santa Teresa)
– Pontogor – sábado e domingo, das 14h às 21h

Nota de esclarecimento: A Três Comércio de Publicações Ltda., empresa responsável pela comercialização das revistas da Três Editorial, informa aos seus consumidores que não realiza cobranças e que também não oferece o cancelamento do contrato de assinatura mediante o pagamento de qualquer valor, tampouco autoriza terceiros a fazê-lo. A empresa não se responsabiliza por tais mensagens e cobranças.