As cores de Yayoi Kusama

Nina Gazire

Publicado em: 04/01/2012

Categoria: Da Hora, intervenções e projetos

Japonesa ganha retrospectiva e realiza intervenções em tradicional museu da Austrália

Thumbnail_320

© Yayoi Kusama (foto: cortesia Ota Fine Arts, Tokyo)

Em dezembro de 2011, a artista Yayoi Kusama construiu uma instalação na Galeria Queensland de Arte Moderna, na Austrália, com cadeiras, mesas, pianos e paredes inteiramente pintados de branco. A ideia era que o ambiente funcionasse como uma tela a ser preenchida pela criatividade coletiva.

Ao longo de duas semanas, os visitantes, principalmente crianças, foram colando milhares de adesivos em forma de bolinhas coloridas, que são características da linguagem artística de Kusama, transformando o espaço monocromático em uma festa de cores. 

A instalação, intitulada Obliteration Room (Sala da Obliteração), faz parte da retrospectiva Look Now, See Forever que engloba a obra da artista japonesa dos anos 1960 aos anos 2000.

Yayoi Kusama é considerada uma das mais importantes artistas japonesas. Seu trabalho é baseado na arte conceitual e mostra alguns atributos do feminismo, minimalismo, surrealismo, pop art, infundido com conteúdo autobiográfico, psicológico e sexual. 

Além dessa mostra na Austrália, a artista está fazendo uma grande retrospectiva itinerante que teve início no Reina Sofia, de Madri, em setembro de 2011, passou pelo Centre Georges Pompidou, em Paris e a partir do dia 5 de fevereiro estará no Tate Modern até o mês de junho de 2012.

Artigo anterior:
Próximo artigo:

Nota de esclarecimento A Três Comércio de Publicações Ltda. (EDITORA TRÊS) vem informar aos seus consumidores que não realiza cobranças por telefone e que também não oferece cancelamento do contrato de assinatura de revistas mediante o pagamento de qualquer valor. Tampouco autoriza terceiros a fazê-lo. A Editora Três é vítima e não se responsabiliza por tais mensagens e cobranças, informando aos seus clientes que todas as medidas cabíveis foram tomadas, inclusive criminais, para apuração das responsabilidades.