Ateliê397 se transforma em Galpão397

Espaço independente amplia sua programação e passa a promover residências, além de cursos, projetos e exposições

Leandro Muniz
Galpão397 (Foto: Divulgação)

O Ateliê397 é um espaço independente fundado há cerca de 15 anos por um grupo de artistas no bairro Vila Madalena, em São Paulo. A cada nova gestão, o projeto teve suas características reformuladas, tendo abrigado exposições, cursos, festas ou mesmo leilões, como forma de arrecadar fundos. Em 2016, o espaço mudou para um galpão na Pompéia, mas precisava ser dividido com o depósito de uma loja de móveis. Agora que passaram a ocupar todo o edifício, as diretoras Carollina Lauriano, Bianca Mantovani, Tania Rivitti e Ana Elisa Carramaschi decidiram ampliar a programação promovendo residências e resgatando a missão inicial do espaço de também ser um ateliê de artistas. O 397 passa a ser composto pelo programa de residências Temos Vagas, pelos grupo de acompanhamento Clínica Geral e por uma série de cursos sobre escrita, produção de portfólios e prática artística

No dia 29/9, as gestoras do espaço, junto de um time de artistas e pesquisadores, apresentam a nova configuração do projeto, chamado Galpão397. Para marcar a nova etapa, acontece a abertura da exposição Vozes Agudas: Nosso corpo, Nossa Voz com participação de Ana Teixeira, Fabiana Faleiros e Virginia de Medeiros, que também são as primeiras convidadas para um podcast sobre as mulheres no campo da arte, e um ateliê aberto com os artistas residentes. Entre os eles estão Ana Matheus Abbade, Carlota Mason, Dora Smék, Gayle Forman, Jonas Arrabal, Ju Bernardo, Julia Ângulo, Maria de Los Vientos, Monique Huerta, Paul Sétubal, Pamella Anderson e Rebeca Yun Hee Pak. Também abrem seus ateliês os artistas que estão com espaço de trabalho fixo no 397: Adriano Franchini, AMNA Filmes, Ana Elisa Carramaschi,  Luana Lins, Maria Fernanda Simonsen, Mariana Herrerias Reis, Rodrigo Ferrarezi, Sol Casal, Veridiana Mana e Vinícius Maffei.

Além disso, o 397 também passa a receber a Escola da Floresta, do artista Fábio Tremonte, que convida para o evento de abertura o coletivo Bijari, o crítico e curador Leonardo Araújo e o artista Gustavo Torrezan para contribuir na programação da Escola (confira reportagem da seLecT na série Escolas de artistas).

  • Ateliê397 se transforma em Galpão397 (Foto: Divulgação)
  • A Escola da Floresta no Ateliê397 (Foto: Divulgação)

 

Serviço
Ateliê397 apresenta Galpão397
Abertura 29/9, das 14 às 20h
Exposição até 5/10
Rua Gonzaga Duque, 148 – São Paulo
Ateliê397
atelie397.com

Nota de esclarecimento A Três Comércio de Publicações Ltda. (EDITORA TRÊS) vem informar aos seus consumidores que não realiza cobranças por telefone e que também não oferece cancelamento do contrato de assinatura de revistas mediante o pagamento de qualquer valor. Tampouco autoriza terceiros a fazê-lo. A Editora Três é vítima e não se responsabiliza por tais mensagens e cobranças, informando aos seus clientes que todas as medidas cabíveis foram tomadas, inclusive criminais, para apuração das responsabilidades.