Céu de areia

Publicado em: 17/07/2015

Categoria: Da Hora, exposições e bienais

Fernando Limberger apresenta site-specific “Desmoronamento, Azul” no CCBB do Rio de Janeiro

Fernandolimbergerdesmoronamentoazulilustracao

Legenda: Ilustração do site specific “Desmoronamento, Azul”, de Fernando Limberger. (Foto: Divulgação)

A partir da próxima terça-feira (21), uma das salas de um prédio histórico do Rio de Janeiro estará coberta por 20 toneladas de areia e alguns troncos de árvores queimadas. Deslocado e justamente por isso intrigante, o cenário é, na verdade, o site specific do artista Fernando Limberger que ocupa o Centro Cultural Banco do Brasil. Batizada de “Desmoronamento, Azul”, a exposição faz parte dos dez projetos selecionados para a temporada 2015-2016 do Prêmio CCBB Contemporâneo.

A paisagem pensada por Limberger apresenta uma topografia irregular feita a partir da areia tingida de azul, que faz alusão à tonalidade do céu. Queimados organicamente e de tamanhos variados, os troncos foram fincados na areia, criando uma imagem árida que ao mesmo tempo remete a temas como renascimento, vida e transformação. Um dos pontos de partida para a elaboração do projeto foi a mitologia de alguns povos indígenas que trata sobre a queda do céu, o desmoronamento da Terra e o fim do mundo.

Serviço

Centro Cultural Banco do Brasil Rio de Janeiro
Rua Primeiro de Março, 66, Rio de Janeiro
De 22 de julho a 17 de agosto de 2015
Telefone: (21) 3808-2020
Funcionamento: de quarta a segunda, das 9h às 21h.

Nota de esclarecimento: A Três Comércio de Publicações Ltda., empresa responsável pela comercialização das revistas da Três Editorial, informa aos seus consumidores que não realiza cobranças e que também não oferece o cancelamento do contrato de assinatura mediante o pagamento de qualquer valor, tampouco autoriza terceiros a fazê-lo. A empresa não se responsabiliza por tais mensagens e cobranças.