Como Descolonizar os Monumentos?

Aline Motta, Giselle Beiguelman e Paulo Galo respondem à questão em Fogo Cruzado Live, com mediação de Leandro Muniz

Da Redação

Publicado em: 14/04/2022

Categoria: Da Hora, Destaque, Fogo Cruzado, seLecTV

Como parte da programação expandida da edição 53, que aborda a descolonização dos museus, monumentos e arquivos nas artes brasileiras, entre outros focos da guerra de narrativas do presente, seLecT realizou a primeira versão presencial da sua tradicional entrevista-debate Fogo Cruzado. O evento aconteceu em 9/4, no Teatro Ruth de Souza, auditório do Museu AfroBrasil e integrou a programação oficial da 18ª SP-Arte. Respondendo à pergunta Como Descolonizar os Monumentos?, a artista Aline Motta, que trabalha com arquivos e com o resgate da ancestralidade africana, a artista e professora Giselle Beiguelman, integrante do projeto Demonumenta, da FAU-USP, e o ativista Paulo “Galo” Lima, integrante dos Entregadores Antifascistas, levantaram muitas outras questões urgentes para o debate de arte e política nos dias de hoje. Com mediação de Leandro Muniz, artista, assistente curatorial do MASP e colaborador da seLecT, o bate-papo foi provocativo e cheio de indagações em torno do tema arte e política, ao qual a revista dedica suas quatro edições de 2022. Confira a íntegra na seLecTV. 

Nota de esclarecimento: A Três Comércio de Publicações Ltda., empresa responsável pela comercialização das revistas da Três Editorial, informa aos seus consumidores que não realiza cobranças e que também não oferece o cancelamento do contrato de assinatura mediante o pagamento de qualquer valor, tampouco autoriza terceiros a fazê-lo. A empresa não se responsabiliza por tais mensagens e cobranças.