Discursos de fronteira

Ao longo desta semana, seLecT faz tour guiado pela Bienal do Mercosul

Juliana Monachesi

Publicado em: 20/09/2011

Categoria: Da Hora, exposições e bienais

Robespierre e a Tentativa de Retomar a Revolução (2010), de Guilherme Peters

A primeira obra com que se depara o visitante da mostra Geopoéticas é a instalação de Leslie Shows, Display de Propriedades, que ocupa um imenso painel logo na entrada do Armazém A4 do Cais do Porto: sequência de bandeiras brancas, esvaziadas de seus símbolos como a pedir trégua; as manchas de tinta que aparentam escorrer pela parede são, na realidade, colagens que a artista realizou no local, derramando tinta com diferentes tonalidades e diluições em cones de papel posteriormente recortados para se tornarem as manchas escorridas e os emblemas heráldicos dispostos por último perto da base do painel. Esta obra dá o tom da principal exposição da bienal, tanto porque se vale de elementos de identificação de territórios e nações quanto porque poeticamente desfaz e refaz ou ressignifica estes mesmos elementos.

A videoinstalação de Cristina Lucas, exibida logo a seguir, um tableau vivant da pintura histórica de Delacroix (A Liberdade Guiando o Povo, famosa alegoria da República em que uma mulher simbolizando a Liberdade empunha a bandeira da Revolução Francesa para conduzir barricada afora a população parisiense que se insurgiu contra o absolutismo na Revolução de Julho de 1830), põe a nu a construção ideologicamente carregada das narrativas históricas. Assim como o vídeo do jovem artista Guilherme Peters, intitulado Robespierre e a Tentativa de Retomar a Revolução (2010), que evidencia dimensão patética das ações do revolucionário francês à luz dos desdobramentos contemporâneos da história republicana. No vídeo, o artista travestido de Robespierre encena rituais nonsense como girar em círculos com a cabeça apoiada a uma baioneta até cair ou percorrer uma pista de skate dentro de um cômodo estreito até a exaustão.

Confira na galeria acima outros destaques do Armazém A4

(Fotos: Juliana Monachesi/Estúdio seLecT)

Tags: , , ,

Artigo anterior:
Próximo artigo:

Nota de esclarecimento: A Três Comércio de Publicações Ltda., empresa responsável pela comercialização das revistas da Três Editorial, informa aos seus consumidores que não realiza cobranças e que também não oferece o cancelamento do contrato de assinatura mediante o pagamento de qualquer valor, tampouco autoriza terceiros a fazê-lo. A empresa não se responsabiliza por tais mensagens e cobranças.