Fortaleza ganhará novo complexo cultural

Fundação Edson Queiroz construirá centro de arte e cultura no antigo Centro de Convenções da capital cearense

Da redação

Publicado em: 27/06/2019

Categoria: Da Hora, Destaque, Notícias Quentes

Da Terra Brasilis à Aldeia Global – Coleção Fundação Edson Queiroz, no Espaço Cultural Unifor (Foto: Ares Soares)

A Fundação Edson Queiroz fica responsável a partir de agora pela construção de um novo complexo de arte e cultura, com direito a museu, teatro, auditório e salas multifuncionais, em Fortaleza, no Ceará. O empreendimento ficará nas mãos de um arquiteto a ser escolhido via concurso público e será construído no antigo Centro de Convenções da cidade, que desde 1973 estava nas mãos do governo estadual.

O terreno de 27 mil m² foi adquirido pela Fundação Edson Queiroz em 1971 e dois anos depois foi doado para o Estado para que fosse usado para a realização de eventos de grande porte. Desde então, por idas e vindas, a fundação fez propostas para aproveitar parte do local para atividades culturais.

No início deste mês foi formalizada a devolução de 14 mil m² da área do Centro de Convenções para a Fundação Edson Queiroz, em acordo com o governador do Ceará Camilo Santana.

O museu do novo complexo cultural passará a acolher a coleção de obras de arte da Fundação e também a apresentar exposições nacionais e internacionais, que até agora ocorriam no Espaço Cultural Unifor. A Fundação Edson Queiroz recém organizou a mostra coletiva Da Terra Brasilis à Aldeia Global no espaço da universidade. Com curadoria de Denise Mattar, a exposição apresenta 250 obras dos artistas brasileiros mais reconhecidos até hoje, além de estrangeiros que representaram o Brasil, até 11 de agosto de 2019.

Tags: , , , , , , , ,

Nota de esclarecimento: A Três Comércio de Publicações Ltda., empresa responsável pela comercialização das revistas da Três Editorial, informa aos seus consumidores que não realiza cobranças e que também não oferece o cancelamento do contrato de assinatura mediante o pagamento de qualquer valor, tampouco autoriza terceiros a fazê-lo. A empresa não se responsabiliza por tais mensagens e cobranças.