Galerias Leme e Almeida e Dale anunciam fusão

União marca inserção da Almeida e Dale no mercado de arte primário sob o nome Galeria Leme/AD

Edifício projetado por Paulo Mendes da Rocha onde passa a funcionar a Galeria Leme/AD, fruto da união da Leme com a Almeida e Dale (Foto: Reprodução)

A Cruz que Penetra Pindorama, da série Teatro Nagô Cartesiano (2015), de Thiago Martins de Melo (Foto: Divulgação)

“Eu ganhei um novo sócio”, conta à seLecT Eduardo Leme, sócio-fundador da Galeria Leme, sobre a união de suas operações do mercado de arte contemporâneo com as da Galeria Almeida e Dale.  Nesta quarta-feira, 23, foi feito o anúncio de que as duas galerias juntaram esforços no mercado primário a partir da criação da nova marca Galeria Leme/AD, que passa a funcionar no bairro Butantã, São Paulo, no edifício de 600m² projetado por Paulo Mendes da Rocha, onde funciona a Leme desde 2004.

Estou convicto de que essa fusão é pertinente. Ela faz a gente ganhar músculo, dobra o número de clientes e racionaliza custos”, diz Leme. A nova galeria será inaugurada com uma exposição individual do recém representado artista maranhense Thiago Martins de Melo, prevista para março deste ano. Enquanto isso, a Galeria Almeida e Dale, sediada no bairro Jardim Paulista, também em São Paulo, permanece com suas atividades na revenda de obras de arte. “A Almeida e Dale segue como sempre foi, com sua atuação no mercado secundário e simplesmente passa a atuar no mercado primário com a fusão”, atesta Leme. 

A operação concretiza o plano de Carlos Dale e de Antonio Almeida de ampliar o mercado de arte para cidades do Norte, do Nordeste e do Brasil central, levando exposições para instituições locais. “Já faz tempo que a gente tem esse projeto. Mas quando se trata de desbravar esse mercado, é muito mais fácil correr o Brasil com bons artistas jovens do que com mercado secundário”, diz Antonio Almeida à seLecT. “Nosso foco é trabalhar com o Eduardo Leme no mercado primário para levar os artistas a outros estados”.

A primeira exposição “brasileira” da Galeria Leme/ AD será de Ana Elisa Egreja no MAM Bahia, possivelmente em abril, concomitantemente à mostra itinerante que a Almeida e Dale já havia organizado com Adriana Varejão, que abre em Salvador e depois segue para Recife, Belém e outras três cidades.

Camila Siqueira, que nos últimos 10 anos trabalhou como diretora da Galeria Leme, agora integra a direção da Casa Triângulo, ao lado de Ricardo Trevisan e Rodrigo Editore.

Nota de esclarecimento A Três Comércio de Publicações Ltda. (EDITORA TRÊS) vem informar aos seus consumidores que não realiza cobranças por telefone e que também não oferece cancelamento do contrato de assinatura de revistas mediante o pagamento de qualquer valor. Tampouco autoriza terceiros a fazê-lo. A Editora Três é vítima e não se responsabiliza por tais mensagens e cobranças, informando aos seus clientes que todas as medidas cabíveis foram tomadas, inclusive criminais, para apuração das responsabilidades.