Leilão do Banco Santos supera expectativas

A tela Prumo de Antônio Manuel foi vendida por um valor 24 vezes superior ao esperado

Ana Abril

Publicado em: 23/11/2016

Categoria: Da Hora, Mercado de Arte, Notícias Quentes

A tela Prumo de Antônio Manuel, estimada em R$ 9 mil, foi comprada por R$ 220 mil (Fotos: Divulgação)

Dez anos passaram-se desde a condenação de Edemar Cid Ferreira por crimes econômicos. Neste período, a residência do ex-presidente do Banco Santos permaneceu fechada, guardando um importante acervo artístico. Em 22/11 (terça-feira), a casa Aloisio Cravo realizou leilão da massa falida do banco, e a espera valeu a pena. O dinheiro arrecadado superou em quase R$ 4 milhões o esperado, coletando R$ 11.867.700 no pregão presencial, que também contou com participação online.

A estrela da noite foi Victor Brecheret, cuja obra foi vendida pelo valor mais alto: a escultura Vestal Reclinada com Pássaro foi arrematada por R$ 2,7 milhões, superando o lance inicial de R$ 1,1 milhão. O Touro (Zebu), outra escultura do artista ítalo-brasileiro, em terracota, mais que triplicou o valor previsto de R$ 100 mil, sendo adquirida por R$ 340 mil.

Triade Trindade, escultura de Tunga avaliada em 400 mil reais (Foto: Reprodução)

Triade Trindade, escultura de Tunga vendida por R$ 770 mil

A super instalação Tríada Trindade, de Tunga, por sua vez, terá a Pinacoteca de São Paulo como nova casa após os patronos da instituição tê-la adquirido por R$ 770 mil. Contudo, a obra que mais superou as expectativas foi a tela Prumo de Antônio Manuel, estimada em R$ 9 mil e comprada por R$ 220 mil.

Os artistas Amilcar de Castro e Tomie Ohtake também tiveram seus trabalhos disputados e comprados por R$ 1,55 milhão e R$ 360 mil, respectivamente. Obras de Djanira, Aldo Bonadei e Nelson Leirner foram destaques com vendas superando o montante de R$ 100 mil.

Dos 213 lotes apresentados, 138 tiveram saída, o que beneficiará os credores do banco falido. O resto de lotes voltará para a massa falida. Em 29/11, às 10h, acontecerá um segundo leilão, dessa vez online, com mais de 500 lotes à venda e a intenção é de arrecadar cerca de R$ 2 milhões. Fotografias, obras de arte, livros, móveis e mapas de fotógrafos, como Howard Schaztz e Luiz Tripolli, e personalidades, como Ronald Reagan, fazem parte da venda. As obras estão disponíveis para consulta no site da Aloisio Cravo.

Tags: , , , , , , ,

Nota de esclarecimento A Três Comércio de Publicações Ltda. (EDITORA TRÊS) vem informar aos seus consumidores que não realiza cobranças por telefone e que também não oferece cancelamento do contrato de assinatura de revistas mediante o pagamento de qualquer valor. Tampouco autoriza terceiros a fazê-lo. A Editora Três é vítima e não se responsabiliza por tais mensagens e cobranças, informando aos seus clientes que todas as medidas cabíveis foram tomadas, inclusive criminais, para apuração das responsabilidades.