Narrativa e história

Ao se relacionar com o edifício da CAL UnB, exposição levanta discussões a respeito da instituição localizada na capital brasileira

Luana Fortes

Publicado em: 21/08/2017

Categoria: Sem categoria

Still de vídeo Barca Aberta (2017), de João Castilho

Enquanto a mostra Quando as Formas se Tornam Relatos estiver em exibição, o prédio da Casa de Cultura da América Latina (CAL), mantido pela Universidade de Brasília (UnB), não será o mesmo. Como um grande site specific, os trabalhos exibidos percorrem desde a fachada do edifício até os espelhos do banheiro, além de se apropriarem de seu acervo artístico e etnográfico. A exposição dialoga constantemente com a história da instituição e conta até com um mapa para guiar o público.

Escola da Floresta (2017), de Fabio Tremonte

 

A curadoria é de Ana Avelar, também colaboradora da seLecT e professora do Instituto de Artes da UnB, que selecionou 12 artistas – entre eles Fábio Tremonte, Gustavo von Ha, Jaime Lauriano, João Castilho e Lais Myrrha. “Eles foram escolhidos devido a um histórico de obras que, de alguma maneira, trabalham com narrativas. Sejam elas o fato de contar histórias no sentido mais cotidiano, sejam elas espécies de narrativas visuais”, conta Avelar à seLecT.

Por se relacionar diretamente com o espaço ao seu redor, a exposição ainda levanta discussões a respeito da CAL. Trata-se de uma instituição cultural pública na capital do país que enfrenta dificuldades estruturais. “O edifício da CAL UnB está localizado num lugar deteriorado da cidade, algo oposto à monumentalidade do eixo, pleno de camelôs, gente em situação de rua e cuidadores de carros, de dia; tráfico e prostituição à noite”, aponta a curadora. Assim, os trabalhos expostos ocupam o edifício ao mesmo tempo em que chamam a atenção para ele e para a precariedade de instituições públicas semelhantes.

Still de vídeo Delírio (2017), de Lais Myhrra

 

Serviço
quando as formas se tornam relatos
Casa da Cultura da América Latina
SCS Quadra 04, Ed. Anápolis, 1º andar, sala 103 – Brasília
De 23/8 até 10/10
cal.unb.br

Artigo anterior:
Próximo artigo:

Nota de esclarecimento A Três Comércio de Publicações Ltda. (EDITORA TRÊS) vem informar aos seus consumidores que não realiza cobranças por telefone e que também não oferece cancelamento do contrato de assinatura de revistas mediante o pagamento de qualquer valor. Tampouco autoriza terceiros a fazê-lo. A Editora Três é vítima e não se responsabiliza por tais mensagens e cobranças, informando aos seus clientes que todas as medidas cabíveis foram tomadas, inclusive criminais, para apuração das responsabilidades.