Pivô põe o bloco na rua!

O Cordão dos Mentecaptos mistura performance musical, exposição e abadás feitos por artistas para quem quer Carnaval artsy

Luciana Pareja Norbiato

Publicado em: 02/02/2016

Categoria: Da Hora, Notícias Quentes

Pivô põe seu bloco na rua neste sábado, 6 de fevereiro, com concentração em sua sede no Copan a partir das 10h. É o projeto Cordão dos Mentecaptos, híbrido de exposição ambulante e bloco folião para quem quer curtir um Carnaval totalmente artsy. A co-curadoria de Ricardo Sardenberg e Fernanda Brenner retoma o projeto O Pivô É a Rua, que em 2013 trouxe a visão de artistas sobre os grandes protestos que agitaram o Brasil.

unnamed (3)

Desta vez, o asfalto vai ser palco de folia com os abadás especialmente criados por artistas para o Pivô. Os artistas-estilistas da vez são Adriano Costa, avaf, Erika Verzutti, Fancy Violence, Janaina Tschäpe e José Bento, Lenora de Barros, Lucas Arruda, Luiz Zerbini, Marcius Galan, Marina Rheigantz, Patricia Leite, Paulo Monteiro e Paulo Nimer Pjota.

Como se não bastasse, uma série de intervenções surgirá durante a marcha do cortejo festivo, como os estandartes criados por Leda Catunda, Paloma Bosquê, Adriano Costa e Alexandre da Cunha; a performance de Cibelle Cavalli Bastos, com auxílio luxuoso da banda A.B.R.A. Pré – Cá; a programação visual by avaf; e o cordão propriamente dito, confeccionado por Sonia Gomes em sua delicada trama. Quem for avesso à turba, pode conferir os aparatos na exposição que fica em cartaz no térreo do Pivô entre 6 e 27 de fevereiro. Quem gosta de folia vai se esbaldar!

Tags: , ,

Nota de esclarecimento A Três Comércio de Publicações Ltda. (EDITORA TRÊS) vem informar aos seus consumidores que não realiza cobranças por telefone e que também não oferece cancelamento do contrato de assinatura de revistas mediante o pagamento de qualquer valor. Tampouco autoriza terceiros a fazê-lo. A Editora Três é vítima e não se responsabiliza por tais mensagens e cobranças, informando aos seus clientes que todas as medidas cabíveis foram tomadas, inclusive criminais, para apuração das responsabilidades.