Road movie sertanejo no Festival de Berlim

Mariel Zasso

Publicado em: 04/11/2011

Categoria: audiovisual, Da Hora

“Olhe pra mim de novo” tem como fio condutor a história de um transsexual no sertão nordestino

Olhe_pra_mim

Depois da estreia cercada de polêmica no Festival de Gramado, e de levar o prêmio de melhor documentário longa no Festival do Rio, “Olhe pra mim de novo” será exibido dentro da mostra Panorama, no Festival de Berlim. Produzido pela PaleoTV, foi selecionado pelo Programa Petrobras Cultural, incentivado pela Lei do Audiovisual através da ANCINE, e deve ser lançado comercialmente no primeiro semestre de 2012.

O longa tem como pano de fundo o sertão nordestino, e como fio narrativo a história Sillvyo Luccio, transsexual que nasceu mulher e viaja em busca da possibilidade de uma operação de “mudança de sexo” – tecnicamente descrita como uma operação de readequação sexual.

Os encontros do caminho vão revelando diversas faces de um mesmo sertão: atabaques da umbanda em Pacatuba, um mutirão do DNA em Juazeiro do Norte, uma família de albinos em Missão Velha – entremeados pela singular perspectiva do personagem principal, que compartilha seus dilemas subjetivos ao falar de família, casamento, maternidade/paternidade e os estigmas da transsexualidade.

Dirigido por Claudia Priscilla e Kiko Goifman, o longa vai revelando paisagens, estradas e cidades do nordeste brasileiro e reforçando o arquétipo que Euclides da Cunha verbalizou: O sertanejo é, antes de tudo, um forte.

A 62a edição do Festival de Berlim acontece de 9 a 19 de fevereiro de 2012.

Artigo anterior:
Próximo artigo:

Nota de esclarecimento: A Três Comércio de Publicações Ltda., empresa responsável pela comercialização das revistas da Três Editorial, informa aos seus consumidores que não realiza cobranças e que também não oferece o cancelamento do contrato de assinatura mediante o pagamento de qualquer valor, tampouco autoriza terceiros a fazê-lo. A empresa não se responsabiliza por tais mensagens e cobranças.