Ruptura em Nova York

Espaço temporário da Luciana Brito Galeria abre nas ruas novaiorquinas com exposição do Grupo Ruptura

Luana Fortes
Vista da exposição (Fotos: Eliseu Cavalcanti)

A Luciana Brito Galeria levou para a cidade de Nova York um espaço próprio e uma exposição que ilumina a produção do grupo brasileiro Ruptura. O novo projeto marca presença em pleno bairro Tribeca e permanece em território americano por período temporário para apresentar três exposições com curadoria exclusiva.

Vista da exposição

A mostra que inaugura o espaço, chamada Ruptura, é assinada pelo escritor e crítico João Bandeira e presta homenagem ao conjunto de artistas que pesquisaram a abstração em São Paulo na década de 1950. O conhecido Grupo Ruptura, que assinalou o começo da arte concreta brasileira, defendia a renovação dos valores que considerava essenciais na arte, como o espaço-tempo, movimento e matéria. Com isso em vista, são apresentados mais de 50 trabalhos, de artistas como Geraldo de Barros, Waldemar Cordeiro e Judith Lauand.

O espaço é ainda compartilhado com a galeria de Espasso Annex, iniciativa da Espasso de Carlos Junqueira, que foca no mobiliário brasileiro de edição limitada.

Serviço
Ruptura
Luciana Brito – NY Project
Franklin Street, 186 – Nova York
Até 6/11
lucianabritogaleria.com.br

Artigo anterior:
Próximo artigo:

Nota de esclarecimento A Três Comércio de Publicações Ltda. (EDITORA TRÊS) vem informar aos seus consumidores que não realiza cobranças por telefone e que também não oferece cancelamento do contrato de assinatura de revistas mediante o pagamento de qualquer valor. Tampouco autoriza terceiros a fazê-lo. A Editora Três é vítima e não se responsabiliza por tais mensagens e cobranças, informando aos seus clientes que todas as medidas cabíveis foram tomadas, inclusive criminais, para apuração das responsabilidades.