seLecTs

Dicas da semana (19/1) selecionadas pela redação para curtir o aniversário de São Paulo

Ana Abril e Luciana Pareja Norbiato
Fotografia de Daniel Malva, na Galeria Mezanino (Fotos: Divulgação)

SÃO PAULO
CORPO NATURALIZADO
O Jardim – Daniel Malva, até 25/2, Galeria Mezanino, Rua Cunha Gago, 208 | www.galeriamezanino.com
Munido com sua câmera de grande formato e sua lente de vidro óptico de fabricação própria, Daniel Malva realizou uma série de fotografias em laboratórios de anatomia humana, em 2014. Agora, o artista apresenta o resultado desse trabalho em 23 fotografias em P&B. O nome da exposição faz referência à concepção do corpo humano como jardim, no qual é cultivada a coletividade e personalidade. Dessa forma, Malva conta a história do homem misturando lembranças e projeções e quebrando a noção de tempo, ideia fortemente relacionada às novas tecnologias.

do -3

Trabalho de Fabio Morais

SÃO PAULO
ESTREIA MÚLTIPLA
Escritexpográfica – Fabio Morais, 24/1 a 25/2, Galeria Vermelho, Rua Minas Gerais, 350 | galeriavermelho.com.br
Em sua nova exposição, Fabio Morais dá continuidade ao seu trabalho com as possibilidades visuais das palavras. Nesse processo de “escrita-sampler”, como é chamado pelo artista, vale vídeo, cartaz, cartas e afins. Além da mostra, ele também expõe na Banca Tijuana (no pátio da Vermelho) o projeto Sebo Encanto Radical, formado por uma antiga coleção da Editora Brasiliense. A banca também recebe a participação de Morais na página central da revista de passatempos A Recreativa, uma iniciativa seriada da Ikrek Edições.

Marco Maria Zanin_Lacuna e Equilíbio 3_impressão jato de tinta em papel algodão

Lacuna e Equilíbrio, de Marco Maria Zanin

SÃO PAULO
ORGÂNICA DUALIDADE
Duas Naturezas, até 18/3, Central Galeria, Rua Mourato Coelho, 751 | www.centralgaleria.com
A exposição coletiva apresenta a ideia de dualidade e ambiguidade tanto nos processos de trabalho, quanto no resultado estético das obras. Gisele Camargo, Bruno Cançado, Simone Cupello, Simone Moraes, Flora Rebollo, Alexandre Wagner e Marco Maria Zanin são os artistas participantes. A natureza se faz presente nos materiais usados e na aparência dos próprio trabalhos. Marco Maria Zanin, por exemplo, realiza composições fotográficas com entulho, como se tratasse de uma natureza-morta contemporânea. Assim, o artista também cataloga os escombros encontrados, criando uma memória da cidade de São Paulo.

24539442654_9b0c9f89c1_oBAHIA
CANTOS DE TODOS OS POVOS
Encontro de Culturas do Mundo, 20 a 29/1, Espaço Cultural Tangará Mirim, Imbassaí   www.dancandopelapaz.com.br
O evento que promove a integração entre povos das mais diferentes etnias e religiões, alguns em permanente conflito dentro de suas fronteiras, se divide em dois módulos. No Encontro Multiétnico, diversas tribos locais realizam oficinas, exposições e exibições de filmes. No módulo de Músicas e Danças do Mundo, nomes da Turquia, Mayotte, Portugal e Egito promovem oficinas. Os ingressos para as atividades vão de R$ 550 a R$ 900 (estudantes e professores da rede pública pagam meia).

unnamed (3)

Cartaz da exposição

RIO DE JANEIRO
EM RITMO DE FESTA
Abre Alas, 21/1 a 8/2, A Gentil Carioca, Av. Gonçalves Ledo, 11/17 (sobrado) | agentilcarioca.com.br
A já tradicional coletiva de começo de ano de A Gentil Carioca tem quatro curadores, 17 artistas e várias atrações no dia da abertura, 21/1 (sábado). Mara e Marcio Fainziliber, Bernardo de Souza e Maria Laet selecionaram nomes como o artista Rebola, que fará happening “recebendo” uma entidade às 21h, e Anna Costa e Silva, que realiza a performance Eu, Que Estou à Espera entre 18h e meia-noite. O lançamento da edição 70 da Camisa Educação, assinada por Cadu, e do catálogo da mostra complementam a animada abertura, em ritmo de festa.

IMG_4168_Margaret de Castro

Trabalho de Margaret de Castro

NITERÓI (RJ)
DEMARCAÇÕES NA CIDADE
Fronteiras e Impermanência, até 11/3, Espaço Cultural Correios, Av. Visconde do Rio Branco, 481 |  www.correios.com.br
O curador e artista Mario Camargo selecionou pinturas, fotografias e colagens de vários artistas visuais contemporâneos da cena carioca para retratar as fronteiras urbanas. As obras mostram as divisas como espaços de contato e de intercâmbios socioculturais. José Luiz Schaefer, Marcelo Palmar Rezende, Margaret de Castro, Patricia Tavares, Silvia Neves e o próprio curador Mario Camargo são os artistas que apresentam suas obras no Espaço Cultural Correios de Niterói.

Nota de esclarecimento A Três Comércio de Publicações Ltda. (EDITORA TRÊS) vem informar aos seus consumidores que não realiza cobranças por telefone e que também não oferece cancelamento do contrato de assinatura de revistas mediante o pagamento de qualquer valor. Tampouco autoriza terceiros a fazê-lo. A Editora Três é vítima e não se responsabiliza por tais mensagens e cobranças, informando aos seus clientes que todas as medidas cabíveis foram tomadas, inclusive criminais, para apuração das responsabilidades.