seLecTs – agenda da semana (1/8/2019)

Virginia de Medeiros, Regina Parra, Éder Oliveira, Fabrício Lopez, No Martins, Edith Derdyk, Gisele Camargo, Anna Costa e Silva, Carlos Vergara, Roberto Magalhães

Da redação
Néli (2019) frame da videoinstalação Clamor da artista Virgínia de Medeiros (Foto: Cortesia da artista e da Galeria Nara Roesler)

SÃO PAULO
Jamais Me Olharás Lá De Onde Te Vejo
Exposição coletiva, 7/8 a 27/9, Instituto Tomie Ohtake, Av. Faria Lima 201 | institutotomieohtake.org.br
A oitava edição do programa Arte Atual, realizado pelo Instituto Tomie Ohtake por meio de seu Núcleo de Pesquisa e Curadoria da instituição, conta com a participação dos artistas Éder Oliveira, Regina Parra e Virgínia de Medeiros. O título da exposição é apropriado de uma frase do psicanalista Jacques Lacan e revela o interesse da mostra em discutir questões como identidade e as implicações (éticas, psíquicas, sociais) de se produzir retratos. 

Expediente (2018) vídeo de No Martins (Foto: Divulgação)

SÃO PAULO
Campo Minado
Individual de No Martins, 3/8 a 14/9, Baró Galeria, Rua da Consolação, 3417 | barogaleria.com
Com curadoria do antropólogo Hélio Menezes, a mostra reúne pinturas, vídeos e objetos que levantam questões como mobilidade e racismo. O corpo negro é representado em pinturas de fundos vazios onde aparecem também signos publicitários e ícones de elementos urbanos, como um cone ou uma faixa de demarcação, se valendo do preto como retórica pictórica e social. 

Tábula Rasa (2017-2019) obra de Edith Derdyk (Foto: Divulgação)

SÃO PAULO
Protolivro
Individual de Edith Derdyk, 3/8 a 13/10, Casa do Parque, Av. Prof. Fonseca Rodrigues, 1300 | acasadoparque.com
A mostra parte da premissa ficcional de criar um livro anterior aos livros, sejam manuais ou impressos. Com texto do artista Fabio Morais, a exposição convida o público a uma experiência imersiva divida em dois núcleos, uma Sala Escura, com livros usados, índices do tempo etc, e uma Sala Clara, composta de páginas em branco. 

Erosões (2019) pintura de Gisele Camargo (Foto: Divulgação)

SÃO PAULO
Erosões
Individual de Gisele Camargo, 3/8 a 21/9, Central Galeria, Rua Bento Freitas, 306 | centralgaleria.com
A nova série de pinturas da artista carioca têm como referência a paisagem do cerrado mineiro, refletindo nos tons terrosos e nas composições por camadas, o tipo de paisagem da região. Procedimentos de raspagem, acúmulo e sobreposição também geram analogias entre o processo de construção de uma pintura e da transformação da paisagem. 

Wicked Game (2019) obra de João GG (Foto: Divulgação)

SÃO PAULO
Retrogosto
Individual de João GG, 3 a 31/8, Zipper Galeria, Rua Estados Unidos 1494 | zippergaleria.com.br
O projeto Zip’Up promove exposições de artistas em início de trajetória na Zipper Galeria. João GG apresenta uma série de esculturas de isopor pintado, junto a lâmpadas fluorescentes, filtros de luz e pinturas, gerando uma grande instalação na qual materiais industriais e naturais comutam qualidades, e aspectos como gosto e história são postos em suspensão nas paisagens fictícias, entre uma imagem de um futuro distópico e um passado arruinado. 

Detalhe de Deve Haver Um Poema Que Fale Sobre Nós (2019) de Karola Braga (Foto: Emídio Contente)

SÃO PAULO
Da Impossibilidade De Dialogar Só
Exposição coletiva, 3/8 a 28/9, Oficina Cultural Oswald de Andrade, Rua Três Rios, 363 | instagram.com/1quarto1quarto1quarto1quarto
Os artistas Karola Braga, Alexander Dejonghe, Emídio Contente e Júlia Milaré  apresentam o projeto como resultado de uma residência no espaço. Durante quatro semanas, cada um ocupará o espaço da Casinha com uma exposição individual de uma semana, sendo seguido por outro. 

Zague (s/d) de Inês Schertel (Foto: Divulgação)

SÃO PAULO
Lanares
Individual de Inês Schertel, 7/8 a 6/9, Galeria Bolsa de Arte, Rua Mourato Coelho, 790 | bolsadearte.com.br
A artista parte de seu aprendizado com uma técnica asiática ancestral de fricção dos fios de lã para a produção de feltros, para produzir cestos, tapeçarias e outros objetos que seguem uma tendência do slow design, prezando pelo bem estar social e ambiental. 

Frame de Você Também Ouve a Música? (2019) de Anna Costa e Silva (Foto: Divulgação)

SÃO PAULO
E Tudo Me Parece Voo
Individual de Anna Costa e Silva, 1 a 31/8, Galeria Superfície, Rua Oscar Freire, 240 | galeriasuperficie.com.br
Em boa parte de sua produção, Anna Costa e Silva produz encontros e diálogos como forma de promover e mapear experiências subjetivas e seus nexos com contextos políticos e sociais. Em sua segunda exposição na Galeria Superfície, com curadoria de Keyna Eleison, a artista apresenta vídeos, instalações, fotografias e peças sonoras que levantam discussões sobre o cotidiano, o universo feminino, o imaginário e o inconsciente. 

Kit_Kitsch#1: Jaime Lauriano pela GLAC Edições (Foto: Reprodução)

SÃO PAULO
Tijuana
Feira de publicações, 3 e 4/8, Casa do Povo, Rua Três Rios, 252 | cargocollective.com/tijuana
A feira Tijuana de publicações independentes segue para mais uma edição. Além das vendas, uma série de debates, leituras, slam, performances e oficinas complementam o evento, levantando questões sobre sexualidade, identidade, bibliotecas etc. Entre os destaques da programação, está o lançamento de um múltiplo do artista Jaime Lauriano pela GLAC Edições. Confira a programação completa aqui

Fotografia do Astrofotógrafo Kiko Fairbairn

SÃO PAULO
Fotografia e Noite – A Cultura do Céu
Aula, 6 a 8/8, Itaú Cultural, Avenida Paulista, 149 | itaucultural.org.br
A atividade será ministrada pelo historiador da ciência Walmir Cardoso, pelo psiquiatra Marcos Callia e pelo astrofotógrafo Kiko Fairbairn, em um diálogo com a exposição Ainda Há Noite, em cartaz na instituição. 

Detalhe do flyer de divulgação do leilão em prol do #VoteLGBT

SÃO PAULO
Leilão #VoteLGBT
Até 3/8, SIM Galeria, Rua Sarandi, 113 A | simgaleria.com
Como forma de ampliar suas atividades durante o 21a Bienal de Arte Contemporânea Sesc_Videobrasil, o coletivo #VoteLGBT promove um Leilão para arrecadar fundos. Entre os artistas participantes estão Adriano Costa, Akram Zaatari, Avaf (Eli Sudbrack), Carlos Motta, F. Marques Penteado, Guga Szabzon, Gui Mohallem, Laercio Redondo, Laerte Coutinho,Luiz Roque, Matheus Rocha Pitta, Maura Grimaldi, Rodolpho Parigi, entre outros cujas obras começam com metade do valor de mercado. 

Professoras do curso Autorias Femininas nas Artes

SÃO PAULO
Autorias Femininas nas Artes
Curso, de 21/8 a 25/9, Instituto Tomie Ohtake, Av. Faria Lima 201 | institutotomieohtake.org.br
A partir de leituras de obras, textos e proposições de revisionismo histórico, o curso propõe uma reflexão a respeito da produção de mulheres das artes brasileiras entre 1960 até hoje. O curso terá seis encontros, às quartas-feiras, e será ministrado pelas educadoras, pesquisadoras e curadoras da instituição Jornada Braz, Julia Cavazzini, Luciara Ribeiro, Luise Malmaceda, Luana Fortes e Priscyla Gomes. O custo é de duas parcelas de R$ 225. Inscrições aqui.

Mercado Água de Meninos (s/d) foto de Pierre Verger

CAMPINAS
Verger E Carybé: Entre As Duas Margens Do Atlântico
Exposição, 2/8 a 28/9, SESI Campinas, Av. das Amoreiras, 450| campinasamoreiras.sesisp.org.br
Com curadoria de Luiz Gustavo Carvalho, os desenhos, pinturas e fotografias dos dois artistas Pierre Verger e Carybé são apresentados em paralelo, demonstrando o interesse e fascínio de ambos pelas religiões afro-brasileiras através de 64 obras que retratam semelhanças e diferenças entre a Bahia, a Nigéria e o Benin. 

EAV Parque Lage (Foto: Reprodução)

RIO DE JANEIRO
Portas Abertas
Aulas livres, 5 a 10/8, EAV Parque Lage, R. Jardim Botânico, 414 | eavparquelage.rj.gov.br
Por cerca de uma semana a escola promoverá cursos livres de pintura, desenho, processos criativos entre outros gratuitamente. Entre os professores que participam do projeto estão Bruno Miguel, Luiz Ernesto, Sonia Salcedo, Mariana Manhães, Fernando Cocchiarale, Brigida Baltar, Clarissa Diniz, entre outros. Inscrições por ordem de chegada. As atividades são sujeitas a lotação.

Todos Buscam Todos Querem (s/d) obra Roberto Magalhães (Foto: Divulgação)

RIO DE JANEIRO
Paralelos
Exposição de Carlos Vergara e Roberto Magalhães, 6/8 a 25/9, Mul.ti.plo, Rua Dias Ferreira, 417 | multiploespacoarte.com.br
Os dois artistas desenvolveram sua produção a partir da nova figuração dos anos 1960 e desde então são interlocutores frequentes. A mostra, centrada na obra gráfica de ambos em uma reunião de cerca de 20 desenhos, apresenta intersecções e diferenças temáticas e formais entre eles. Além das obras prontas, um ateliê será montado no espaço expositivo, gerando uma espécie de jogo de produção no qual um interfere no processo do outro. 

Noroeste (2011) obra de Fabrício Lopes (Foto: Reprodução)

RIBEIRÃO PRETO
Fabricio Lopez : Corte Estranho, Impressão Abjeta
Individual, 3/8 a 5/10, IFF, Rua Maestro Ignácio Stabile, 200 | institutofigueiredoferraz.com.br
O artista tem na gravura a mídia central de sua produção, expandindo convenções a respeito dessa técnica ao expor as matrizes ao lado das impressões em relações espaciais quase instalativas. Sua exposição no Instituto Figueiredo Ferraz reúne uma série de trabalhos de grandes dimensões em que figuram animais, arquiteturas e seres amorfos.

 

Nota de esclarecimento A Três Comércio de Publicações Ltda. (EDITORA TRÊS) vem informar aos seus consumidores que não realiza cobranças por telefone e que também não oferece cancelamento do contrato de assinatura de revistas mediante o pagamento de qualquer valor. Tampouco autoriza terceiros a fazê-lo. A Editora Três é vítima e não se responsabiliza por tais mensagens e cobranças, informando aos seus clientes que todas as medidas cabíveis foram tomadas, inclusive criminais, para apuração das responsabilidades.