seLecTs – agenda da semana (14/2/2018)

Paul Klee, Anna Maria Maiolino, Beto Shwafaty, Alex Flemming, Frederico Filippi, 5º Bas​tidores da Curadoria, Grupo Escola Entrópica, Editais

Da redação
Harmonia Da Flora Setentrional (1927), pintura de Paul Klee com moldura original, do Zentrum Paul Klee, Berna, doada por Livia Klee (Foto: Divulgação)

SÃO PAULO
Paul Klee – Equilíbrio Instável
Retrospectiva, até 29/4/2019, CCBB SP, Rua Álvares Penteado, 112 | bb.com.br/cultura
Centro Cultural Banco do Brasil leva a três de suas unidades uma grande retrospectiva do suíço Paul Klee (1879-1940), importante nome do modernismo europeu. Com 120 obras provenientes do acervo do Zentrum Paul Klee, em Berna, com mais de 4 mil itens, a exposição traz desde desenhos de infância até a última pintura que realizou antes de falecer. A curadoria é assinada por Fabienne Eggelhöfer, curadora-chefe do Zentrum. Depois de inaugurar em São Paulo, passa pelos CCBBs do Rio de Janeiro e de Belo Horizonte.

Trabalhos da série Cobrinhas (2018), de Anna Maria Maiolino (Foto: Edouard Fraipont)

SÃO PAULO
Em Tudo – Todo, de Anna Maria Maiolino
Amanhã Não Lembrarei De Nada, de Beto Shwafaty
Até 23/3/2019, Galeria Luisa Strina, Rua Padre João Manuel, 755 | galerialuisastrina.com.br
Anna Maria Maiolino exibe individual com 19 obras que tem como protagonista a linha, tanto em trabalhos mais escultóricos quanto em desenhos. A artista celebra 60 anos em 2019 e comemora com uma grande retrospectiva no país onde nasceu, Itália, no PAC de Milão. Também na Luisa Strina acontece a individual do paulistano Beto Shwafaty, que mostra obras inéditas que relacionam acontecimentos históricos com o momento atual no Brasil.

Trabalho de Alex Flemming (Foto: Divulgação)

SÃO PAULO
Alex Flemming – Série Ecce Homo
Exposição individual, até 21/3/2019, Galeria Emmathomas, Al. Franca, 1054 | emmathomas.com.br
Alex Flemming exibe na Galeria Emmathomas sua nova série de trabalhos, com 28 peças desenvolvidas durante residência na Fundação Marcos Amaro, em Itu. Chamada Ecce Homo, a série foi feita com pias de banheiros dos anos 1970 e 1980, sobre as quais desenhou usando ponta de diamante. A exposição tem curadoria de Ricardo Resende.

SÃO PAULO
Consultorias, Conselhos & Palpites
Grupo de estudos com Virgínia de Medeiros e Fabio Morais, de 14/3/2019 a 25/6/2019, Instituto Tomie Ohtake, Av. Brigadeiro Faria Lima, 201 | institutotomieohtake.org.br
Os artistas Virgínia de Medeiros e Fabio Morais coordenam este semestre um novo grupo de estudos e acompanhamento de processos na Escola Entrópica do Instituto Tomie Ohtake. Com discussões e exercícios provocativos, o curso pretende promover o aprofundamento nos processos criativos dos participantes. A distribuição de vagas é feita a partir de uma entrevista que acontece em 26/2, às 15h ou às 19h. Para se inscrever no primeiro horário, clique aqui. Para o segundo, clique aqui.

Museu de arte de São Paulo (Foto: Reprodução)

SÃO PAULO
5º Bas​tidores da Curadoria: Acervo do MAM
Roda de conversa, 16/2/2019, MAM SP, Av. Pedro Álvares Cabral, s/nº, Parque do Ibirapuera | mam.org.br
Formandos da pós-graduação em Curadoria de Arte do Senac Lapa Scipião apresentam seus projetos de conclusão de curso em roda de conversa com Felipe Chaimovich, Paula Amaral e Sandra Tucci. Os alunos contaram com a colaboração do MAM para a realização de seus trabalhos e tiveram acesso a todo o acervo do museu. Os projetos tratam de assuntos como enegrecimento, arte indígena e arte naif. A roda de conversa acontece das 14h às 17h e tem entrada gratuita.

Trabalho de Frederico Filippi (Foto: Divulgação)

RIO DE JANEIRO
Cobra Criada
Individual de Frederico Filippi, de 19/2/2019 a 6/4/2019, Galeria Athena, Rua Estácio Coimbra, 50 | galeriaathena.com
Frederico Filippi mostra 20 trabalhos inéditos na individual Cobra Criada, que tem texto reflexivo do antropólogo, jornalista e curador Fábio Zuker. As obras tratam da disputa por território na Amazônia em relação ao desmatamento, à industrialização, à exploração mineral e às rotas de contrabando de drogas. “Frederico rejeita o problemático lugar de ‘falar sobre’, para experimentar pensar esses processos de destruição a partir dos próprios materiais; como se as próprias palavras não bastassem, fossem insuficientes, ou mesmo desprovidas de significado”, afirma Zuker.

Identidade visual da bolsa, com imagem da instalação Ninhos (1970), de Hélio Oiticica (Foto: Reprodução)

EDITAL
Bolsa de residência 2019 – New Yorkinscrições até 20/3/2019 | eavparquelage.rj.gov.br
Um berro, um sussurro, 
inscrições de performances até 24/2/2019 | eav.biblioteca@gmail.com
A Escola de Artes Visuais do Parque Lage está com duas convocatórias abertas para artistas. Uma é a Bolsa de Residência 2019 – New York, organizada em parceria com a AnnexB. Podem se inscrever alunos ou ex-alunos matriculados em cursos da escola no último biênio (2018-2019), pelo formulário aqui. O selecionado passará dois meses em Nova York, com início previsto para junho de 2019, e receberá valor em dinheiro destinado a custos da viagem. A segunda convocatória é para que artistas e alunos proponham performances ou trabalhos performativos para dentro ou ao redor da biblioteca da EAV Parque Lage, ao longo do primeiro semestre de 2019. As propostas devem ser feitas por e-mail para eav.biblioteca@gmail.com até 24/2. O email deve ter uma proposição em escrito com 300 palavras, até 3 páginas com esboços ou imagens e uma breve biografia do proponente. O assunto da mensagem deve ser Proposta Biblioteca.

Nota de esclarecimento A Três Comércio de Publicações Ltda. (EDITORA TRÊS) vem informar aos seus consumidores que não realiza cobranças por telefone e que também não oferece cancelamento do contrato de assinatura de revistas mediante o pagamento de qualquer valor. Tampouco autoriza terceiros a fazê-lo. A Editora Três é vítima e não se responsabiliza por tais mensagens e cobranças, informando aos seus clientes que todas as medidas cabíveis foram tomadas, inclusive criminais, para apuração das responsabilidades.