seLecTs – ArtRio 2018

Agenda da Semana (24/9/18) - especial paralelas à feira de arte

Desesperato (em homenagem ao filme de Sergio Bernardes, de 1968), luminoso de Laura Belém (Foto: Divulgação)

Com o Ar Pesado Demais Para Respirar
Exposição coletiva, até 24/11, Galeria Athena, Rua Estácio Coimbra, 50 | http://galeriaathena.com/
A exposição marca a união da Athena Contemporânea e da Athena Galeria de Arte, que decidiram juntar-se para constituir uma só galeria em um casarão em Botafogo. Com curadoria de Lisette Lagnado, a coletiva exibe obras históricas em diálogo com trabalhos relacionados à atual crise política que divide o Brasil. Entre os que participam da mostra estão André Griffo, Lais Myrrha, Rodrigo Bivar, Franz Weissman, Rubens Gerchman, Anna Bella Geiger e Iole de Freitas.

O Ilusionista (1974), de Antonio Dias (Foto: Romulo Fialdini, Valentino Fialdini)

Antonio Dias – O Ilusionista
Até 11/11, MAM Rio, Av. Infante Dom Henrique, 85 | www.mamrio.org.br
Com cerca de 60 trabalhos selecionados pelos curadores Fernando Cocchiarale e Fernanda Lopes do acervo do MAM Rio, a exposição presta homenagem ao recém falecido Antonio Dias. De diversos suportes e materiais, as obras expostas são das décadas de 1960, 1970 e 1980.

Brasil Nativo-Brasil Alienígena (1977), de Anna Bella Geiger (Foto: Luis Carlos Velho)

Qualquer Direção Fora do Centro
Individual de Anna Bella Geiger, de 28/9 a 28/10, EAV Parque Lage, Rua Jardim Botânico, 414 | eavparquelage.rj.gov.br
Três locais de passagem da Escola de Artes Visuais do Parque Lage abrigam trabalhos de Anna Bella Geiger até o fim de outubro. Com curadoria de Ulisses Carrilho, a mostra exibe vídeos, fotografias, gravuras e serigrafias dos anos 1970, que refletem sobre a concepção de centro e margem.

Pintura da série Alchimie, de Julio Le Parc (Foto: Everton Ballardin, Cortesia do Artista, Galeria Nara Roesler)

Julio Le Parc
De 25/9 a 14/11, Galeria Nara Roesler, Rua Redentor, 241 | nararoesler.art
No sábado, 23/9, Julio Le Parc completou 90 anos. Em homenagem ao aniversário, o artista cinético ganha individual no Rio de Janeiro. A mostra reúne uma escultura, um móbile, pinturas inéditas da série Alchimie e uma obra em realidade virtual.

Estradinha ao Anoitecer, de Rodrigo Andrade (Foto: Divulgação)

Rodrigo Andrade – Gravuras 2010 – 2018
Até 20/10, Mul.ti.plo Espaço Arte, Rua Dias Ferreira 417/206 | multiploespacoarte.com.br
A individual reúne 25 gravuras em metal de Rodrigo Andrade, divididas entre os eixos Paisagens e Figuras Abstratas. O artista costumava trabalhar com essa linguagem no começo de sua carreira e decidiu retornar a ela em 2010 ao participar de um residência artística na Fundação Iberê Camargo.

Ventre (2018), de Rona (Foto: Edu Monteiro)

Setembro Doce
Individual de Rona Neves, de 25/9 a 26/10, Z42, Rua Filinto de Almeida, 42 | 
Setembro Doce traz obras de Rona Neves, com curadoria de João Paulo Quintella e assistência de Ana Bourdagohe. Em situações cotidianas e familiares, o artista encontra o potencial criativo para seus trabalhos. “Esse fluxo ininterrupto do artista com o mundo faz de seus trabalhos uma extensão infinita do real“, escreve Quintella em texto da mostra.

Os Muros
Individuais de Lula Buarque de Hollanda e Marlos Bakker, até 26/10, Galeria da Gávea, Rua Marquês de São Vicente, 432 | galeriadagavea.com.br
galeria recebe duas individuais simultâneas, ambas com curadoria de Leno Veras, que se debruçam sobre a relação entre organização política e divisões territoriais. Lula Buarque de Hollanda apresenta a mostra Arquitetura Distópica, enquanto Marlos Bakker apresenta Urbanismo Utópico.

Projeto Respiração Krajcberg em sala da Casa Museu Eva Klabin (Foto: Reprodução)

Respiração Krajcberg
Individual de Frans Krajcberg, até 17/2/19, Casa Museu Eva Klabin, Av. Epitácio Pessoa, 2480
Obras de Frans Krajcberg interagem com o acervo permanente da Casa Museu Eva Klabin. Com curadoria de Marcio Doctors, a mostra relaciona a destruição causada pela Segunda Guerra Mundial com a destruição da natureza.

Leite de Pedra (2018), de Matheus Rocha Pitta (Foto: Divulgação)

Caminho da Pedra
Individual de Matheus Rocha Pitta, até 30/11, Espaço Cultural BNDES, Av. Chile, 100 | www.bndes.gov.br/espacobndes
Com curadoria de Luisa Duarte, a exposição Caminho da Pedra articula, em uma inédita instalação, quatro obras de Matheus Rocha Pitta feitas nos últimos quatro anos. Os trabalhos reunidos são Ao Vencedor as Batatas (2016), Primeira Pedra (2015), Sopa de Pedra (2014) e Leite de Pedra (2018). O título da mostra refere-se a poema homônimo de Carlos Drummond de Andrade.

Monumento ao Monumento
Intervenções Bradesco ArtRio 2018, de 25 a 30/9, Bondinho Pão de Açúcar, Av. Pasteur, 520 | www.artrio.com
O projeto Intervenções Bradesco ArtRio há cinco anos ocorre em paralelo à feira de arte com a proposta de levar trabalhos de grande escala a espaços públicos. Este ano com curadoria de Ulisses Carrilho, a exposição leva 10 trabalhos ao Complexo Turístico Bondinho Pão de Açúcar. Entre os artistas que participam estão Paulo Bruscky, Carmela Gross e Lenora de Barros. Visitantes da ArtRio terão 15% de desconto no ingresso do Bondinho e moradores do Rio de Janeiro tem 50% de desconto.

Trabalho de Raquel Nava (Foto: Reprodução)

Molt Bé!
Até 20/12, Portas Vilaseca Galeria, Rua Dona Mariana, 137 | portasvilaseca.com.br
A exposição coletiva reúne os 16 artistas representados pela Portas Vilaseca Galeria e inaugura seu novo espaço, no bairro carioca de Botafogo. Com curadoria de Raphael Fonseca, a mostra traz obras de artistas como Ayrson Heráclito, Mano Penalva e Raquel Nava. Seu título, Molt Bé!, significa muito bem em catalão. O diretor da galeria, Jaime Portas Vilaseca, costuma escrever essas palavras quando termina de desmontar seus estandes em feiras de arte.

Pintura de Loio-Pérsio (Foto: Divulgação)

Em Torno de Loio-Pérsio
Até 14/10, Samba Arte Contemporânea, Estrada da Gávea, 898, loja 218B | 
O curador Eduardo Meira de Vasconcellos selecionou 15 pinturas de Loio-Pérsio, personagem central da exposição, e 20 de outros artistas com discussões próximas. Outros dos artistas apresentados são Amelia Toledo, Arcangelo Ianelli e Frans Krajcberg.

Artigo anterior:
Próximo artigo:

Nota de esclarecimento A Três Comércio de Publicações Ltda. (EDITORA TRÊS) vem informar aos seus consumidores que não realiza cobranças por telefone e que também não oferece cancelamento do contrato de assinatura de revistas mediante o pagamento de qualquer valor. Tampouco autoriza terceiros a fazê-lo. A Editora Três é vítima e não se responsabiliza por tais mensagens e cobranças, informando aos seus clientes que todas as medidas cabíveis foram tomadas, inclusive criminais, para apuração das responsabilidades.