Tate Modern ganha nova diretora

Funcionária do museu britânico desde 1987, Frances Morris é a primeira mulher a assumir cargo de diretoria da instituição

Publicado em: 18/01/2016

Categoria: Da Hora, Notícias Quentes

Tags: , ,

Frances Morris (Foto: Olivia Hemingway/Tate)

Na última sexta-feira (15), a Tate Modern de Londres anunciou Frances Morris, 57, como a nova diretora da instituição. Com um extenso currículo dentro do próprio museu, Morris é curadora da Tate desde 1987 e entra no lugar do belga Chris Dercon, que assumirá a direção do Volksbühne, teatro experimental alemão, em 2017.

Desde os anos 1990, a britânica participa do desenvolvimento da coleção do museu, dando foco especial a artistas internacionais e ao trabalho de artistas mulheres. Em 2000, participou de perto da exposição de abertura da Tate Modern, que atualmente é um dos museus mais visitados do mundo, com uma média de 5 milhões de visitantes por ano. Recentemente, foi curadora de grandes retrospectivas de mulheres, como Agnes Martin, em 2015, Yayoi Kusama, em 2012, e Louise Bourgeois, em 2007.

Formada em História da Arte pela Cambridge University, Morris também é membro do conselho da Fruitmarket Gallery, em Edimburgo, da CIMAM, orgão ligado ao International Committee for Museums and Collections of Modern Art, além de fazer parte do Conselho Consultivo do Museu de Serralves, em Porto.

Artigo anterior:
Próximo artigo:

Nota de esclarecimento A Três Comércio de Publicações Ltda. (EDITORA TRÊS) vem informar aos seus consumidores que não realiza cobranças por telefone e que também não oferece cancelamento do contrato de assinatura de revistas mediante o pagamento de qualquer valor. Tampouco autoriza terceiros a fazê-lo. A Editora Três é vítima e não se responsabiliza por tais mensagens e cobranças, informando aos seus clientes que todas as medidas cabíveis foram tomadas, inclusive criminais, para apuração das responsabilidades.