#tbt Terrorismo Retiniano

As disfunções das redes sociais como forma de comunicação e sociabilidade já eram visíveis em 2012

Publicado em: 09/04/2020

Categoria: #tbt, Destaque

Detalhe de ilustração de Marcelo Cipis para a seLecT #6

A seLecT passa a disponibilizar na nova seção #tbt, semanalmente, críticas, ensaios e reportagens que estiveram presentes nas mais de 40 edições publicadas no decorrer de quase dez anos. Ao revisitar os arquivos da revista, queremos colocar em perspectiva histórica os temas que já abordamos em torno de experiências artísticas, sociais, políticas e subjetivas.
Na edição #6, publicada em junho de 2012, exploramos a influência dos novos circuitos da imagem em movimento para a formação da estética do século 21. Desde então, as redes sociais, incipientes naquele momento, tornaram-se a forma hegemônica de comunicação e difusão de informação.
O hábito de marcar pessoas como estratégia de divulgação, até hoje recorrente, foi o mote do texto Terrorismo Retiniano, assinado por Angélica de Moraes na seção Delete, que criticava não só essa abordagem invasiva, como os incipientes “artistas de final de semana”, que recorriam à autodivulgação massiva. Leia ou releia o artigo aqui.

Tags: , , , , , , , ,

Nota de esclarecimento A Três Comércio de Publicações Ltda. (EDITORA TRÊS) vem informar aos seus consumidores que não realiza cobranças por telefone e que também não oferece cancelamento do contrato de assinatura de revistas mediante o pagamento de qualquer valor. Tampouco autoriza terceiros a fazê-lo. A Editora Três é vítima e não se responsabiliza por tais mensagens e cobranças, informando aos seus clientes que todas as medidas cabíveis foram tomadas, inclusive criminais, para apuração das responsabilidades.