A vez de Lourenço

Artista mineiro vence 8ª edição do Salão dos Artistas Sem Galeria

Luana Fortes
Trabalho de Jefferson Lourenço exibido na Galeria Sancovsky

Na 8ª edição do Salão dos Artistas Sem Galeria, organizado pelo Mapa das Artes, é a vez de Jefferson Lourenço levar o prêmio. Desde que fabricava seus próprios brinquedos aos 9 anos, o mineiro pesquisa sobre costumes e tradições do Brasil, construindo esculturas e objetos em madeira que remetem à característica arquitetura e mobiliário do período colonial do país.

Lourenço foi escolhido entre 194 inscritos para exibir seu trabalho nas galerias Zipper e Sancovsky, até o dia 4/3, junto de 9 outros artistas, e acabou chamando a atenção do júri de premiação. Paula Alzugaray, jornalista e editora da seLecT, Adriana Duarte, galerista da Casa da Xiclet, e Rodrigo Editore, galerista e sócio da Casa Triângulo, escolheram-no para receber o prêmio de R$ 1.000, após contemplar seu trabalho com 25 pontos dos 30 possíveis.

Artigo anterior:
Próximo artigo:

Nota de esclarecimento A Três Comércio de Publicações Ltda. (EDITORA TRÊS) vem informar aos seus consumidores que não realiza cobranças por telefone e que também não oferece cancelamento do contrato de assinatura de revistas mediante o pagamento de qualquer valor. Tampouco autoriza terceiros a fazê-lo. A Editora Três é vítima e não se responsabiliza por tais mensagens e cobranças, informando aos seus clientes que todas as medidas cabíveis foram tomadas, inclusive criminais, para apuração das responsabilidades.